segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

O Tenentismo e a Coluna Prestes


A Revolta do Forte de Copacabana iniciou em 5 de julho de 1922, sob a liderança de capitães e tenentes do Exército e alguns da Marinha. Tal revolta foi o pontapé inicial para o tenentismo e seu objetivo principal era a deposição do então presidente Epitácio Pessoa.

A partir da organização e mobilização dos tenentes, jovens oficiais do Exército Brasileiro, o Brasil assistiu ao longo de toda a década de vinte, vários movimentos de cunho militar. As principais revindicações desses jovens oficiais eram:

Redução do poder das oligarquias rurais;

Fim da corrupção;

Fim da centralização administrativa;

Voto secreto (fim do voto de cabresto);

Presença do Exército no comando da nação (como forma de salvar o país das oligarquias rurais).
Além dos pontos acima, os tenentes defendiam o ensino fundamental e profissional gratuitos, uma reforma do judiciário, a punição para casos de corrupção e a diminuição dos gastos públicos. A proteção das riquezas nacionais do capital estrangeiro e a industrialização, também foram, amplamente, defendidos.

Duas grandes rebeliões ocorreram em 1924 em São Paulo e no Rio Grande do Sul. Derrotados em ambos os movimentos, os rebeldes uniram as forças que ainda possuíam e formaram a famosa coluna prestes.

A Coluna Prestes foi um exército de guerrilheiros civis e militares reunidos sob o comando de Luiz Carlos Prestes (Capitão). Nos anos seguintes a coluna percorreu mais de vinte mil quilômetros do território nacional combatendo as tropas do exército e polícia para tentar pressionar os governos oligárquicos.

A partir de 1927 a coluna que não conseguira adesão popular ao movimento, começou a desarticular-se e vários dos seus membros se refugiaram na Bolívia. Isso quer dizer que a coluna foi derrotada? Não, na verdade a Coluna Prestes deixou um legado importante de luta contra a República das Oligarquias (café com leite) que surtiu efeito por ocasião de Revolução de 1930.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários

Copyright © 2012 Aprendendo a Estudar História|Template Para Blogspot.